Close

Muito se fala sobre as gerações X, Y e, mais recentemente, até sobre a novíssima geração W. Existem centenas de publicações disponíveis de especialistas em recursos humanos, gestores de carreira, psicólogos e de jovens profissionais tratando do tema, exemplificando as diferenças, tentando justificar os motivos pelos quais cada geração adota hábitos e pensamentos diferentes em relação à forma de se relacionar com seus trabalhos e classificando, assim, cada profissional em uma das categorias.
Independente de com qual destas letras você se identifique, temos que concordar que o mundo muda de forma cada vez mais rápida. Quem chega ao mercado de trabalho hoje já não tem as mesmas expectativas que tinham seus pais e as próprias empresas precisam entender esta nova dinâmica. Aqueles que se adaptarem antes, ganham.
Mas será que o empreendedorismo se restringe apenas ao âmbito profissional?
Na verdade, ser empreendedor é um traço de personalidade, uma forma de encarar os desafios da vida. Para alcançar quaisquer objetivos é preciso empreender. Quem não o faz, nada realiza: não alcança o que deseja, não conquista a pessoa amada, não tira do papel a viagem dos sonhos, não constrói a própria empresa e, nem mesmo, tem sucesso no seu emprego tradicional.
Quem tem este perfil ultrapassa o simples querer. Chega ao ponto de perseguir suas metas com todas as forças, ter ideia fixa (entenda este conceito aqui!) naquilo que deseja e, o mais importante, faz disso o combustível, dia após dia, para se mover a passos largos e conscientes em direção ao destino final. Transforma o idealismo em ação efetiva e usa todas as ferramentas que possui para otimizar sua caminhada.
Tendo consciência de todos estes aspectos você pode identificar em seu próprio perfil aqueles traços que já são caracteristicamente empreendedores e quais os pontos ainda podem ser melhorados para se obter alta performance nas empreitadas da vida.
Será que você está caminhando na direção de seus sonhos? Seu foco e concentração estão direcionados àquilo que realmente é relevante? E seus relacionamentos, contribuem para esta jornada de forma saudável ou a limitam e sabotam ainda que sem esta intenção?
Com as técnicas e conceitos vivenciados no “DeROSEMethod – coisa de homem”, você cunha uma versão ainda mais empreendedora de si mesmo, converge ou ajusta as respostas de todas as perguntas acima em direção ao sucesso e intensifica de forma expressiva a sua capacidade de realização e consequente qualidade de vida.
Para se aprofundar no tema, leia: O Método DeROSEe a gestão do Stress, do professor Jóris Marengo.Disponível aqui.

Add Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *